Radar de Vigilância BRADAR SABER M60

Por: César Antônio Ferreira

A Embraer Defesa & Segurança, por meio da sua subsidiária, BRADAR, demonstrou na última mostra BID BRASIL o seu carro – chefe: o radar de vigilância de campo contra incursões de baixa altura BRADAR M60. O radar em questão é desmontável, capaz de ser transportado por veículos off-road leves, caso do Agrale Marruá AM-21 (3/4 ton), pois o peso total do conjunto é pouco maior do que 364 kg, ocupando 15 minutos de trabalho de uma equipe de três especialistas para ser montado. O radar é capaz de ser montado em qualquer tipo de terreno e opera sob severas condições climáticas, exibindo flexibilidade e robustez.

A importância de dotar o Exército Brasileiro de um radar de vigilância e varredura de alvos aéreos, notadamente incursores de baixa altura, está refletida na recente cadeia de eventos do leste ucraniano, onde a Força Aérea da Ucrânia sofreu baixas exorbitantes entre as suas aeronaves de ataque disponíveis em rampa, devido a insistência em ataques à baixa altura, contra uma força dotada de um respeitável estoque de MANPADS e de canhões de tiro rápido. O radar de vigilância avisa aos artilheiros a direção da ameaça, preparando-os para o combate. Esta é a função do radar SABER M60.

 

 

Mock-up do radar Bradar M60

O SABER M60 é um radar 3D, ou seja, é tridimensional, de estado sólido, modular e Pulso Doppler, possui a capacidade de rastreio de até 40 alvos, simultâneos, que por ventura estejam dentro do seu alcance de detecção. O cilindro que representa o seu alcance de detecção compreende um raio de 60 km de distância, com altura de até 5 km. Opera na Banda L (Frequência de 950 MHz a 1450 MHz, com Comprimento de Onda de 23 cm), sendo capaz de distinguir se a ameaça é um vetor de asas fixas (caça – bombardeiro), ou rotativas (helicóptero).

O processamento dos sinais é digital, e a interface do sistema é amigável, baseada que é em arquitetura aberta (Linux), portanto, adaptável às necessidades e requerimentos dos clientes, passível de ser instalado em computadores portáteis, exibindo a notável robustez do software. A transmissão se dá por cabo, ou conexão segura de rádio. Estes dados são enviados, recebidos e trabalhados por um COAAe – Centro de Operações de Artilharia Antiaérea, que é um módulo transportável, equipado com equipamentos de radiocomunicação, comando e controle, interceptação e monitoramento, que permite ao operador uma centralização de dados em vista de facilitar a consciência operacional. O COAAe dispõe de facilidades como telas de LCD, computadores, roteadores e ar-condicionado, entre outros.

 

Tabela de características:

 

Especificações Técnicas

 

Características físicas

 

Peso Total:

 

364,25 kg.

 

Comprimento Total em Operação:

 

3,20 m.

 

Largura Total em Operação:

 

3,20 m.

 

Altura Total em Operação:

 

2,85 m.

 

Alimentação do Sistema

 

Bateria:

 

28V, CC.

 

Comercial:

 

90-230V, CA, 50-60 Hz.

 

Gerador:

 

Customizado (orgânico).

 

Radar

 

Alcance:

 

60 km.

 

Teto Máximo Aproximado:

 

5000 m.

 

Rotação da Antena:

 

7,5 ou 15 RPM.

 

Transmissor

 

Tipo:

 

Estado Sólido.

 

Pulso Doppler.

 

Frequência:

 

Banda L.

 

Potência Média:

 

50 W.

 

Potência de Pico:

 

500 W.

 

Processamento de Sinais

 

MTI:

 

Digital.

 

Informações dos Alvos (azimute, elevação e distância):

 

3D.

 

Alvos Simultâneos:

 

40 Alvos.

 

Resolução (alcance):

 

60 km.

 

Precisão (azimute/elevação/alcance):

 

1°, 2°, 50m.

 

Velocidade Mínima de Detecção:

 

32 km/h.

 

IFF

 

Modos:

 

1,2,3/A e C.

 

Alcance Máximo:

 

82 km.

 

 

 

 

Portal Defesa

3 Responses to Radar de Vigilância BRADAR SABER M60

  1. […] matéria foi redigida originalmente para o site Portal Defesa e publicada na data de […]

  2. Topol disse:

    Senhores, alguma informação a respeito do desenvolvimento da versão de 200 Km do alcance deste radar ?

  3. Topol disse:

    Torço para que esse equipamento de frutos e que seja aperfeiçoado para que um dia possamos ter um sistema de mísseis SAM nacional. Com base no SABER M-60 e versão sup-ar do Piranha II

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-44933895-1