Suécia caça submarino em sua costa

Publicado em: 18/10/2014

Categoria: NOTÍCIAS

Visualizações : 870

Tags: , , ,

Do Rio de Janeiro

A Marinha da Suécia anunciou na última sexta-feira, dia 17, que uma operação militar está em curso na costa do país, mais precisamente nas imediações de Estocolmo, a fim de tentar localizar um suposto submarino estrangeiro que teria entrado ilegalmente nas águas territoriais do país, no que foi chamado de “atividade subaquática estrangeira”.

Comandante Jonas Wikstroem afirmou na coletiva que deu início a “operações de inteligência, utilizando navios, helicópteros e várias unidades terrestres”

A informação de que um submarino estrangeiro teria invadido as águas suecas veio de uma fonte classificada pelo Comandante Wikstroem como “fonte com credibilidade”, porém não deu mais detalhes sobre a operação, e nem mesmo da proximidade dela com a capital do país.

Comandante Wikstroem ressaltou que nenhuma arma está sendo utilizada na operação, e fez questão de destacar também que, “como o governo afirmou, a situação se deteriorou no Mar Báltico”, se referindo as recentes tensões vividas pelo país na região, como o encontro entre uma aeronave RC-135 da USAF com caças russos no dia 18 de julho, e que resultou na invasão do espaço aéreo sueco por parte da aeronave norte americana.

A Suécia parece ter voltado, mesmo que em menores proporções, a rotina vivida na Guerra Fria, quando esses encontros eram comuns e toda a movimentação na área era monitorada pelo país, autodeclarado neutro durante os anos de tensões internacionais.

Portal Defesa

Notícia anterior:
Próxima notícia:

2 Responses to Suécia caça submarino em sua costa

  1. Topol disse:

    Dias atrás a Rússia invadiu o espaço aéreo, será que agora resolveram provocar invadindo as águas territoriais também?

  2. RobertoCR disse:

    Fonte com credibilidade. Taí uma nova forma de se garantir a segurança do país.

    Mas deixando a ironia de lado, creio que o Comandante Wikstroem não deveria ter divulgado este fato se não pode confirmá-lo diretamente, sem intermediários. Dá a impressão de que a Suécia anda meio relapsa quanto a vigilância de suas fronteiras, o que não é bem verdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-44933895-1